quarta-feira, março 22, 2006

Tiro de Janeiro!!!

Por Decreto-lei da Governadora Rosinha Garotinho, os bairros e algumas localidades da Cidade do Rio de Janeiro vão mudar de nome, a começar pelo da própria (ex-)Cidade Maravilhosa, que passará a se chamar :

Tiro de Janeiro.

Os bairros serão:

- Jardim do Pânico
- Lebronx
- Coca-bacana
- Barra Pesada da Tijuca
- Passafogo
- Recreio dos Traficantes
- Ilha do Seqüestrador
- Assalto da Boa vista
- Piedade! Não me Mate!
- Largo do Metralha
- Corre, Velho!
- Maria Desgraça
- Del Gatilho
- Tirojuca
- Atiraí
- Tiro Comprido
- Bem-não-fica
- Estácio-nou, perdeu
- Cacetete
- Madureza
- Senador Morrerá
- Honório Cruel
- Ilha de Pagdá
- Cidade Cova
- Jerusaleme
- Irajaque
- Gaza-tiba
- São Encurralado
- Roubalengo
- Vila Isabélica

E também mudará de nome a praça:
- Praça AR-XV

segunda-feira, março 13, 2006

Acreditem! Esta casa é em Portugal!!!!

Esse é o retrato do RJ



R$ 1.100,00 para subir um morro atrás de armas roubadas do exército e ao mesmo tempo prevenir que novos crimes aconteçam na cidade...
Esse é o "preço" da vida de um policial no Rio de Janeiro, muitas das vezes, deparando-se com situações como a da foto.
Sem comentários...

Diretamente das favelas do RJ


O exercito está pegando pesado nas favelas...
Os soldados estão usando até canhões contra os traficantes!

quinta-feira, dezembro 29, 2005

Juntos em tudo...Hoje... :)


Hoje...
Hoje não tenho palavras
Não ouço nada

Sinto um calafrio, um arrepio constante
Uma vontade incessante
um querer que nunca quis antes

Embriagado, entorpecido
Bêbado por algo nunca antes tido
Vivo

Escrever, arriscar seguir
Rimar, me embriagar
Me perder nas palavras

Buscar o inexplicável
Sentir o insubstituível
Me atirar no abismo

Largar o tempo
Fechar os olhos
E viver o momento
Hoje...



(Bruno Sant´Anna e Melina Souza)

quinta-feira, novembro 17, 2005

Nada é sem acaso.

Nada é sem acaso.
Costume ouvir que nada é por acaso. Pois duvido sim, duvido que o acaso não exista. Duvido que tudo tenha um porquê. E se eu não souber explicar? E se a rosa não cair no momento exato do encontro?
Colocam a culpa no destino. Ocasionalmente, o destino toma por sua conta um Everest de acontecimentos que não tem explicação convincente. E por que não o acaso?
“Tem de haver uma explicação”, dizem. Dizem porque alivia ter uma resposta. A verdade não importa, desde que seja dissimulada.
Verdade é que acaso e destino se encontram no horizonte, lá onde – por acaso – descobrimos que não é o fim do mundo; ou será que por destino?
Caso não houvesse acaso, escolher entre Ser ou estar seria inútil. E ainda mais inútil seria almejar; o quê? Seu destino já está firmado, feito, exato. Solado ou não, pronto e irreparável.
Duvido sim. Duvido que escreva por algum motivo, por um motivo ou por o motivo. Escrevo, por acaso, sobre o acaso.

Melina Souza

quinta-feira, novembro 10, 2005

Jazz Master


No dia 23 de novembro, o jazz moderno do grande maestro Chick Corea poderá ser conferido de perto pelo público carioca. Com seu estilo multifacetado, que se adapta a diferentes tipos de instrumentos, como piano acústico, elétrico e teclados portáteis, Corea sobe ao palco do Claro Hall para mostrar mais uma vez o porque de ser reconhecido como um dos mais versáteis e técnicos pianistas da atualidade.
Para ler a matéria na íntegra acesse:
www.clarohall.com.br

quarta-feira, novembro 09, 2005

Clique e confira mais uma promessa da música brasileira!!!

Jus ao nome


Alguém sabe o por quê do nome do meu blog?
Não né?
É parte de uma música do baixista ARTHUR MAIA, GROOVELAND...
Aí vai um trechinho:



GROOVELAND


Viva o som e a musicalidade
Seja samba, reggae, hip hop ou jazz.
Caminhos, estilos
Muita coisa vai mudar
Se é bom ouvir, imagina tocar!!!

Pegue os acordes
Que ficam pelo ar
Imagine um blues e você vê o mar
O ritmo excita a vida precisa
Se é bom ouvir, imagina tocar!!!

terça-feira, novembro 08, 2005

Textinho velho...


Não apenas companheiro, namorado...mas também fã dessa menina!!!! Deixo aqui mais um de seus textos!!!

Já percebeu o quanto somos inertes, inflexíveis, entorpecidos... babacas mesmo!? Você já levou um tapa na cara da vida? Já ouviu a vida dizer: Ei, olha à sua volta, tudo o que há pra acontecer! E você com aquele olhar cansado, cheio de tudo. Nem imagina que ao seu lado pode estar quem você sempre esperou, que não existem pessoas certas na hora certa. Porque a hora não importa... nem existe... quando A PESSOA é certa! A vida não ensina, ela mostra, bem diante do seu nariz tudo o que você precisa saber, sem entrelinhas. Se por acaso você se mexer, quem sabe tudo aconteça?! Porque o inesperado é, simplesmente, tudo aquilo que você espera, mas que acha demais pra acontecer justamente... com você.

Melina Souza